Nossa História - Igreja Evangélica Promessas de Jesus

Maecenas vitae congue augue,
nec volutpat risus.
Ir para o conteúdo

Menu principal:

A Igreja
Nossa História
Na década de 1960, na cidade de Lorena, SP, Brasil, havia um grupo de irmãos fervorosos, com desejo de servir a Deus, que pertenciam a Igreja Metodista do Brasil. Este grupo, motivado pelo Espírito Santo, começou a buscar a Deus para alcançar as promessas contidas nas sagradas Escrituras. Era o início de uma grande obra de avivamento naqueles irmãos que, cansados da tradição religiosa, buscaram, até alcançar o batismo com o Espírito Santo.

Nascia assim o que hoje frutificou e se tornou a Igreja Evangélica Promessas de Jesus, que foi crescendo através dos anos, fruto do trabalho de homens fiéis a Deus. Em 2 de maio de 1984 foi registrada em cartório pelo atual presidente nacional, Bispo Ivan Nascimento, que juntamente com homens fiéis a Deus têm conduzido esta obra.
Em 26 de março de 1991 a IEPJ é declarada de utilidade pública pela lei municipal n° 1924. Ainda em 1991, no dia 16 de abril, são fundadas em cartório três filiais:

  • Bairro Aterrado em Volta Redonda, RJ
  • Itanhandu, MG
  • Vargem Alegre, distrito de Barra do Piraí, RJ

Em 19 de fevereiro de 1993 são fundadas em cartório mais duas filiais:

  • Bairro Santo Agostinho, em Volta Redonda, RJ
  • Tombos, MG

Em 13 de abril de 1995 é fundada em cartório mais uma filial na cidade de Volta Redonda, agora no bairro do Retiro.

Aos 26 dias do mês de fevereiro de 1996 é inaugurada na cidade de Lorena a Escola Teológica Promessas de Jesus, com prédio próprio e capacidade para 50 alunos. Desde então a Escola oferece o curso básico de Teologia com duração de dois anos, com aulas aos sábados.

Em 10 de abril de 1998, é fundada em cartório mais uma filial na cidade de Volta Redonda, no bairro São Geraldo.

Atualmente, a matriz da IEPJ encontra-se situada em prédio anexo à Escola Teológica Promessas de Jesus, na cidade de Lorena, estado de São Paulo. No primeiro trimestre do ano de 2017 iniciou-se os trabalhos de expansão do prédio da igreja matriz, o que ao témino das obras resultará no acréscimo de aproximadamente 40% da capacidade de acomodação de seus congregados e visitantes.
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal